“”

A diferença entre curso de treinamento e de capacitação e qual escolher

December 3, 2020

O mercado têm investido cada vez mais em cursos de treinamento e capacitação. Por sua grande efetividade, eles ganharam espaço dentro das empresas e assumiram seu papel estratégico no negócio. No entanto, ainda existem muitas dúvidas acerca deste assunto. Uma das principais é: qual a diferença entre treinamento e capacitação? Qual eu devo escolher?


É importante ter essas diferenças bem delimitadas, uma vez que que elas direcionam a estratégia de gestão de pessoas adotada pela empresa. Quando se têm um pleno conhecimento da teoria, é bem mais fácil traçar planos de ação e melhorias. Então, confira neste post tudo que você precisa saber sobre treinamento e capacitação e como identificar a necessidade de cada um deles em sua equipe. 

O que é treinamento 

O treinamento diz respeito ao processo de aquisição de conhecimento e desenvolvimento de habilidades e competências. Um curso de graduação, por exemplo, pode ser visto como um longo e intenso treinamento. Já no contexto empresarial, ele se refere a um compilado de ações que vão desenvolver as características CHA do profissional (conhecimento, habilidades e atitudes) para que ele possa gerar melhores resultados a fim de atingir os objetivos organizacionais. 


Em outras palavras, diz respeito às Hard Skills do profissional. Ou seja, todo conhecimento tangível e mensurável, sendo normalmente adquirido e comprovado através de diplomas, certificados, cursos, testes, provas, etc. Isso pode ser comprovado por Chiavenato, 2010; “Treinamento é o processo sistemático que envolve uma mudança de habilidades, conhecimento, atitudes ou comportamento dos empregados, estimulando-os a serem mais produtivos na direção do alcance dos objetivos organizacionais” 

O que é capacitação 

Por outro lado, o processo de capacitação, diz mais respeito à se tornar apto à realizar alguma atividade ou estar habilitado para isso. Por exemplo, um médico quando se forma ainda não está apto para exercer sua profissão. Antes disso, ele precisa fazer sua inscrição no Conselho Regional de Medicina e, então estará apto. Dentro das empresas, a capacitação é habilitar o funcionário para realizar alguma função. Por exemplo, suponhamos que você adquiriu um novo sistema de gestão, agora você precisa aplicar uma capacitação na equipe para que ela consiga usar o software. 


Em outras palavras, diz respeito às Soft Skills do funcionário. Ou seja, o conhecimento a pessoa já têm e agora só precisa da capacitação para exercer aquela atividade específica. Talvez, seja necessário desenvolver algumas habilidades, mas nada muito complicado ou que vá demandar muito tempo. 

Como escolher entre treinamento ou capacitação: LNT 

Bem, agora você sabe detalhadamente qual a diferença entre treinamento e capacitação. Então, chegou o momento de saber como escolher qual aplicar, dependendo da situação atual dos funcionários e da empresa. Para isso, recomendamos fortemente que sua empresa comece a fazer o Levantamento de Necessidades de Treinamento, também conhecido como LNT. 


O LNT é um processo normalmente realizado pelo setor de Recursos Humanos das empresas, que faz uma análises aprofundada das dificuldades, gaps, necessidades de desenvolvimento e insatisfações dos funcionários. Baseado nisso, realiza-se um plano de treinamento (ou capacitação) para melhorar a rotina de trabalho dos colaboradores, visando gerar impactos nos resultados estratégicos da empresa. Então, vamos ver como fazer um LNT eficiente? 


Confira também: Como fazer um bom treinamento um bom treinamento empresarial: 7 dicas práticas

Como fazer um Levantamento de Necessidades de Treinamento 

Caso seja sua primeira vez fazendo esse processo, o ideal é que ele seja o mais aprofundado possível. Assim, quando for o realizar novamente, será apenas um acompanhamento do que foi constatado inicialmente, o que mudou, o que melhorou, o que piorou, etc. Vamos aos passos? 

  • Avaliação de desempenho: o primeiro passo é avaliar o desempenho dos membros da empresa, verifique qual área está com melhor desempenho, qual precisa melhorar. Pesquise os melhores métodos de avaliar esse desempenho. Afinal, ele pode ser relativo. Para isso, converse com os gestores e descubra as especificidades de cada área. 
  • Converse com colaboradores: vá direto à sua fonte. Entreviste ou aplique questionários para descobrir do que os colaboradores sentem falta na empresa e como você pode ajudá-los. Anote as principais dificuldades e necessidades relatadas para incluir no seu plano de ação. 
  • Converse com gestores: ninguém melhor para te contar sobre o desempenho de um funcionário do que a pessoa que o acompanha de perto diariamente. Descubre através de líderes quais os principais desafios das equipe e qual tipo de ação pode ajudar a melhor a rotina de trabalho. 
  • Entrevista de saída: crie o hábito de fazer entrevistas de saída quando algum colaborador vai deixar a empresa, se você ainda não adota essa prática. Dê também a opção do colaborador recusar essa entrevista. Afinal, nem todos vão se sentir confortáveis em uma situação assim, principalmente no caso de uma demissão. 
  • Plano de Ação: baseado nas informações que você coletou, você irá conseguir definir a necessidade de treinamentos, capacitações e cursos. Assim, crie um plano de ação, da forma necessária (por setor, por pessoa, para a empresa toda, etc). 
  • Acompanhamento: é essencial acompanhar os resultados da sua estratégia, até mesmo para poder ajustar o caminho posteriormente, caso seja necessário. Para isso, escolha indicadores de desempenho e monitore seus resultados. Por melhor que a estratégia pareça, talvez os colaboradores não se adaptem e, nesse caso, é preciso adaptar sua ação. 


Esperamos que esse passo-a-passo te ajude a criar um bom Levantamento de Necessidades de Treinamento. Lembre-se sempre de dar atenção à todas as partes do projeto, afinal todas as etapas são essenciais para o sucesso da sua estratégia. 

Treinamento e Capacitação com a SkillHub

A SkillHub é uma empresa que têm o objetivo de facilitar e desburocratizar o treinamento e aplicação de cursos dentro das empresas. Dentro da plataforma, existe uma grande variedade de cursos, na qual o seu colaborador pode escolher o que melhor se adapta aos objetivos da empresa e do próprio profissional. Tudo isso sem burocracias e/ou necessidade de reembolso, por exemplo.


Quer conhecer melhor a plataforma e facilitar o processo de treinamento e capacitação na sua empresa? Converse com um de nossos consultores